O Aedes do Bem! é o verdadeiro Pokémon

Carismáticos e combativos, Pokémons e Aedes do Bem! têm outra coisa em comum: os números impressionantes

Para jogar o Piracikaba Go e capturar Aedes do Bem! e Aedes aegypti selvagens, clique aqui.

No mesmo mês em que o mundo se ajoelhou aos pés dos Pokémons, a Vigilância Epidemiológica de Piracicaba divulgou números que mostram que a batalha contra o transmissor da dengue, Zika e chikungunya está sendo vencida graças ao verdadeiro Pokémon: o Aedes do Bem!. Lançado dia 5 de julho, Pokémon Go é um jogo para smartphones que consiste em utilizar a tela do celular para capturar Pokémons “reais”: os monstrinhos estão espalhados pelas e o usuário tem que perambular por aí para capturar a maior quantidade possível deles. Já com o Aedes do Bem! quem perambula são os mosquitos geneticamente modificados, especializados  em encontrar fêmeas selvagens e cruzar com elas, transmitindo um gene que impede o desenvolvimentos dos seus descendentes.

Desde o seu lançamento, o Pokémon Go foi baixado por mais de 75 milhões de pessoas ao redor do mundo. O jogo já ostenta o recorde de ter atingido os 50 milhões de downloads em menor tempo entre todos os games já lançados para celular – foi preciso 19 dias para atingir a marca. Para se ter uma noção, o segundo colocado, o game Color Switch, levou quase três vezes mais, demorando 77 dias pra alcançar esse patamar.

Os números do Aedes do Bem! impressionam ainda mais. Depois de reduzir a população de Aedes aegypti selvagem em até 99% em testes realizados em Juazeiro, na Bahia, resultados preliminares indicam que houve uma redução de 82% na população de larvas selvagens do mosquito no CECAP/Eldorado, em Piracicaba. Nessa mesma região – que está sendo tratada com os mosquitos geneticamente modificados desde abril de 2015 – a incidência de dengue caiu 91%. Foram 133 casos no período pré-Aedes do Bem! contra apenas 12 depois que o tratamento começou. Zika e chikungunya? Nenhuma ocorrência sequer.

Muito do sucesso do Pokémon Go está na tecnologia chamada de realidade aumentada, responsável por dar vida aos Pokémons e permitir que eles interajam com os usuários no “mundo real”. Há quem diga que esse game é a derrubada definitiva do muro que separa realidade e ficção, mas se o assunto é “mundo real”, não tem pra ninguém, temos que falar sobre o Aedes do Bem! e os benefícios reais – sem nenhuma aspas – que ele traz para a população de Piracicaba.